TBM Coluna Leo.fw

TBM: uma declaração de fidelidade e companheirismo em “I Will Be There”

  • 10 de outubro de 2019

“Pop raiz” é a melhor definição para esta música, “filha” de Max Martin, o mago das composições Pop, com outro sueco chamado Andreas Carlsson, lançada no álbum de estreia de Britney, …Baby One More Time. A letra é um símbolo de amizade e apoio incondicional, que poderia ser associada a dois amantes, mas também a verdadeiros amigos.

Quando precisar de alguém, é só olhar pra trás e estarei com você
Quando estiver pra baixo, é só me dizer e estarei com você…

O ano era 1999 e a sociedade consumidora de música era bem diferente da atual: nada desse frenesi de lançamentos esquizofrênicos de single após single, de uma quase corrida armamentista nas paradas musicais e da competição acirradíssima entre plataformas de streaming que vemos diariamente. Os singles eram vendidos fisicamente e, às vezes, em várias versões, como alguns ícones pop ainda fazem, mas agora com foco exclusivo nos fãs colecionadores e não no público geral.

Para se ter ideia, o último single físico de Britney a ser lançado comercialmente foi “Pretty Girls” em CD, na Europa. A última era com todos os singles físicos foi a Circus, já que do Femme Fatale saíram todos, menos “Criminal”. Do Britney Jean, só “Work Bitch” chegou ao mercado. Ao fim dos anos 90 e começo dos 2000, o artista podia trabalhar cada música em seu próprio tempo e era comum o lançamento de até cinco ou seis singles por álbum.

Eis o porquê de “I Will Be There” ser o grande lançamento que jamais foi. A letra é fofa, daquelas que você dedica a uma pessoa especial, a melodia é uma delícia de ouvir (aquele violão nos primeiros segundos!!!), a voz de Britney estava limpa de tantos efeitos que ouviríamos em álbuns futuros, e tivemos performances nas quais ela se mostrava feliz no palco, juntamente com seus dançarinos. Outro motivo para enaltecermos a faixa é que suas apresentações costumavam dar destaque aos vocais ao vivo – que hoje são raridade.

I WILL BE THERE
Álbum: …Baby One More Time
Composição: Max Martin e Andreas Carlsson

Britney e Max Martin falam sobre o processo criativo do álbum …Baby One More Time
Britney no estúdio, gravando “I Will Be There” com Max Martin
Disney Concert (1999)
Festival infantil de tênis Arthur Ashe Kids’ Day (1999)
Havaí – Crazy 2K Tour (2000)
Sobre o autor
Leonardo Magalhães é jornalista, professor e tradutor.
Instagram | E-mail

Comentários do Facebook
Licença Creative Commons
Este texto autoral está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em www.britneyonline.com.br.